Alunas desenvolvem aplicativo para rastrear bagagens aéreas

Todos sabem que um dos maiores medos entre os passageiros de companhias aéreas é ter suas bagagens extraviadas. Por conta disso, as alunas Amanda Carvalho Fernandes, Beatriz Cutlak Schiavi, Clara Santandrea Augusto e Juliane Jampolsky, do curso de Engenharia de Produção do Instituto Mauá de Tecnologia, desenvolveram um rastreador de bagagens aéreas nacionais que possibilita ao usuário ter acesso a localização de seus pertences através de um app no smartphone.

Ao inserir o Back2’U na bagagem, o usuário passa a acompanhar a localização da mala diretamente do celular. Com acesso a essa informação, o usuário poderá localizar a bagagem mais rapidamente em caso de extravio.

O sistema funciona de maneira bem simples: depois que o rastreador é inserido na bagagem, ele obtém a sua localização através de satélites. Depois disso, o rastreador envia as informações coletadas ao banco de dados na nuvem por rede 3G para que elas possam ser visualizadas no aplicativo. A exibição da localização é feita por meio de um mapa no aplicativo, que mostra a localização do voo do usuário e da sua bagagem.

A intenção das desenvolvedoras é monetizar o serviço no futuro, disponibilizando o produto por um valor que varia de R$ 50 a R$ 100. Caso consiga decolar, o produto será um grande diferencial no mercado, visto que outras concorrentes que trabalham com serviços similares oferecem rastreadores a R$ 400 com mensalidades.

As alunas apresentarão o trabalho na 23ª Edição da Eureka, que reúne trabalhos inovadores de conclusão de curso nas áreas de Engenharia, Administração e Design.

Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário!

Fonte: Canal Tech

logo_pet2