Cientistas chineses projetam nanorobôs para combater tumores cancerígenos

Cientistas chineses desenvolveram através da nanotecnologia e dobrando moléculas de DNA de uma forma semelhante ao processo de origami, que eles chamam de “cavalo de Tróia” mais fino do que 1/4000 de um cabelo e liberta “assassinos” para combater tumores cancerígenos.

Todo o sangue, oxigênio e energia são transmitidas para as células cancerosas através de vasos sanguíneos, de modo a que o alvo está bloqueado, com este nanorobot, os vasos sanguíneos que alimentam os tumores são removidos.

Em um experimento com oito camundongos com melanoma, em três deles o tumor desapareceu, prolongando sua vida de 20,5 dias para 45, sem metástase ou câncer remanescente nos mesmos.

Os pesquisadores têm realizado experiências com nanorobot em mais de 200 ratinhos com melanoma, cancro da mama, cancro do ovário e cancro primário do pulmão, obtendo sucesso em remover o tumor na maioria dos casos dos experimentos.

Curte o conteúdo do Energia Inteligente ? Compartilhe com seus amigos!

Fonte: Engenharia É

logo_pet2