Sensores com inteligência artificial podem impedir o desmatamento ilegal

Sabemos que as florestas do mundo todo estão sob ameaça. Perdemos em torno de 80.000 e 150.000 quilômetros quadrados das florestas do mundo todo ano para atividades humanas.

Mas é muito mais difícil descobrir exatamente quais partes da floresta estão em maior risco, e quando, especialmente porque  até 90% do desmatamento tropical é devido a atividades criminosas, de acordo com a ONU. A organização sem fins lucrativos Rainforest Connection, com sede em San Francisco, acredita que o aprendizado de máquina pode ser o próximo aliado na boa luta.

A equipe de engenheiros e desenvolvedores construiu um complexo sistema de sensores que pode suportar condições climáticas extremas e outras tensões na floresta tropical, usando smartphones modificados alimentados por painéis solares.

A chave, dizem eles em uma postagem no blog, é esconder os dispositivos – eles os chamam de “Guardiões” – em meio às árvores em áreas vulneráveis, de modo que eles permaneçam ocultos. Os sensores gravam os sons das florestas e os carregam em um servidor baseado em nuvem em tempo real.

logo_pet2