Este carro vai salvar muitas vidas no Japão e no mundo

Um antigo empregado da Toyota e da Suzuki lançou algo único no mundo automobilistico. Um automóvel elétrico capaz de flutuar em catástrofes naturais. De acordo com à Bloomberg, a ideia de Hideo Tsurumaki surgiu no tsunami de 2011 que atingiu o Japão, especialmente a sua mãe que vivia numa zona costeira e tem mobilidade reduzida.

Ao ver os carros se afundando nesse período, o japonês só pensava apenas num carro que pudesse resistir à enorme quantidade de água e flutuar e assim criou a FOMM Corp. Ao que parece, vem aí uma excelente solução para um país tão sensível a este tipo de situações.

Já em 2013, Hideo Tsurumaki começou a construir um pequeno automóvel elétrico que não só conseguia flutuar como era capaz de andar na água a baixas velocidades.

Desde então, conseguiu atrair investidores e criar um protótipo perfeitamente funcional, definindo o plano do projeto para estes próximos dois anos: construir 10 mil exemplares até finais de 2019 numa empresa que aluga perto de Banguecoque, na Tailândia, e arrancar as vendas ao público em 2020.

O veículo vai ter capacidade para quatro pessoas, e terá uma velocidade máxima de 80 km/h e uma autonomia máxima de 160 quilômetros. Nada extraordinário, mas promete ser um “anfíbio” que transportará pessoas em caso de emergência.

Fonte: Engenharia é

logo_pet2