Energia das marés: Maremotriz

A energia das marés, também chamada de energia maremotriz, é captada por meio do aproveitamento da energia resultante do desnível das marés. Para que essa energia seja se torne eletricidade é necessária a construção de barragens, eclusas (permitindo a entrada e saída de água) e unidades geradoras de energia. O sistema utilizado é parecido com o de uma usina hidrelétrica. As barragens são construídas próximas ao mar, Os responsáveis pela captação de água durante a alta da maré são os diques.

Depois de ser armazenada a água é liberada e, em seguida, é liberada durante a baixa da maré, passando por uma turbina, assim é gerada a energia elétrica. Nos oceanos existem desníveis no solo abaixo da água. Instalando barragens e um sistema de geradores é possível obter energia elétrica. A água é represada durante o período de maré alta num reservatório instalado no oceano (geralmente próximo ao litoral). Quando a maré está baixa a água sai e movimenta as turbinas. Um sistema de conversão torna possível a geração de energia elétrica.

Vantagens                                                                                                                          energia-mareomotriz

– É uma fonte de energia renovável e limpa.

– É uma alternativa para países que por uma serie de  motivos não podem gerar energia elétrica através de outras formas.

Desvantagens

– Necessidade de ter uma situação geográfica favorável, ou seja, presença de marés no litoral e desnível no solo do oceano.

– A implementação do sistema de uma usina maremotriz ainda tem um alto custo em relação ao sistema de hidrelétrica. Dessa forma, a relação custo/benefício ainda não é vantajosa para muitos países.

– É provável que aconteça um impacto ambiental na implantação do sistema, principalmente com relação ao ecossistema marinho.

– Aproveitamento energético baixo.

energa-das-mares

Curiosidades

– A primeira usina maremotriz do mundo foi construída em 1966 na cidade de La Rance (França).

– Atualmente, os países que mais utilizam este sistema de geração de energia são: Japão, França, Coreia do Sul, Inglaterra e Estados Unidos (principalmente instaladas no Havaí)

– Embora tenha uma situação geográfica favorável, principalmente no litoral maranhense e na ilha de Macapá, o Brasil ainda não produz energia através deste sistema.

As marés são originadas pela atração lunar, e representam uma tentadora fonte energética. Em conjunto, a temperatura dos oceanos, as ondas e as marés poderiam proporcionar muito mais energia do que a humanidade poderia gastar – hoje ou no futuro, mesmo considerando que o consumo global dobra de dez em dez anos.

Fonte: Eng do Futuro                                                                                                                                                                   PET Elétrica