Em alguns anos, HDs conseguirão armazenar até 40 TB.

imagemCABLR94J (2)

Daqui a alguns anos os discos rígidos podem ser melhorados de tal maneira que conseguirão armazenar algo entre 30 e 40 terabytes, graças a uma técnica descoberta pela TDK.

O método consiste em aumentar a densidade de gravação utilizando uma forma mais certeira de ‘escrever’ na mídia. Hoje isso é feito com um laser, mas ele apresenta um problema de precisão: se você quiser aquecer uma área ampla, acaba envolvendo partes que não gostaria de mudar e apaga o que não deveria; é necessário, então, focar o laser de forma acentuada para promover um aquecimento local.

Com o que a TDK criou é diferente, pois a gravação é feita pelo que eles chamam de “gerador de luz de campo aproximado”, que é capaz de fazer gravações com apenas algumas dezenas de nanômetros de largura – 1/10 do que é usado em discos Blu-Ray.

Os primeiros produtos com a tecnologia chegam ao mercado no segundo semestre de 2015, mas a adoção plena, com os 40 TB de armazenamento, deve ser apresentada apenas em 2020.

Fonte: OlharDigital                                                                                                                              logopet42